Connect with us

Noticia Brasil Online

Vem Pra Rua convoca manifestação contra decisão do STF

BRASIL

Vem Pra Rua convoca manifestação contra decisão do STF

“Se Rodrigo Maia pode fazer votações relâmpago para interesse próprio, por que não o pode para interesse dos brasileiros?”, diz o Vem Pra Rua.

A decisão do Supremo Tribunal Federal (STF) de derrubar a prisão após condenação em segunda instância gerou nas nas redes sociais convocações imediatas de protestos.

Ainda na noite desta quinta-feira (7), Edson Salomão, presidente do Movimento Conservador, foi o primeiro a convocar um ato em repúdio ao posicionamento do STF, que pode colocar milhares de presos nas ruas, inclusive o ex-presidente Lula da Silva (PT).

“Não vamos esperar o dia 17 para fazer manifestação! É AMANHÃ!”, disse Salomão em postagem no Twitter.

No início da manhã desta sexta-feira (8), desta vez no perfil principal do grupo, o Movimento Conservador afirma que vai “às ruas contra o tapa na cara que o STF deu em milhões de brasileiros”.

O movimento Vem Pra Rua, por sua vez, fez a convocação para manifestações em todo o país neste sábado, dia 9 de novembro, com pauta única: pressão para que o Congresso reverta a derrubada da prisão na segunda instância.

O grupo defende que, após a decisão do STF acerca da prisão em 2ª instância, só há um único caminho: pressão para que os parlamentares mudem a Constituição.

Em um comunicado, segundo O Antagonista, o Vem Pra Rua afirma:

“Todas as grandes votações do Congresso aconteceram por pressão popular. Sem ela, eles ficam no conforto. Só a nossa pressão, a pressão do povo nas ruas, pode aprovar as leis que deixem os criminosos na prisão.”

E reforça:

“Se Rodrigo Maia pode fazer votações relâmpago para interesse próprio, por que não o pode para interesse dos brasileiros?”

Informação RENOVA.

Comentários

Click to comment

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Mais em BRASIL

Em Alta

Estamos no Twitter

BRASIL

To Top