Connect with us

Noticia Brasil Online

TJDFT: não há provas de que filho de Mourão é inapto para cargo no BB

BRASIL

TJDFT: não há provas de que filho de Mourão é inapto para cargo no BB

juiz substituto da 12ª Vara Cível de Brasília julgou improcedente, nesta segunda-feira (03/06/2019), o pedido para que fosse decretada a nulidade da nomeação do filho do vice-presidente da República, Hamilton Mourão, Antônio Hamilton Rossell Mourão para o cargo comissionado de assessor especial do presidente do Banco do Brasil (BB). O magistrado entendeu que há ausência de elementos que comprovassem a imoralidade do ato.

“É inconcusso que o fato de ser o nomeado filho de uma pessoa importante no atual governo brasileiro facilita a conquista de um cargo de maior responsabilidade e maior visibilidade, o que, por consequência, atrai um salário maior, nada mais justificado diante das atribuições que lhe serão repassadas. Mas isso não tem o condão de trazer uma presunção, ainda mais sem qualquer prova dos autos, de que a nomeação se deu por força direta do vice-Presidente da República”, disse o magistrado.

Ao julgar a ação, o juiz concluiu que não houve nepotismo, pois o presidente do Banco do Brasil não tem relação de parentesco com o filho de Mourão. Ele afirmou ainda que não existe relação familiar entre Antônio e o presidente da República, Jair Bolsonaro (PSL), o qual, em sua argumentação, é a autoridade que exerce ascendência hierárquica sobre o titular do BB.

AS INFORMAÇÕES SÃO DO METROPOLES

Comentários
Click to comment

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Mais em BRASIL

Em Alta

Estamos no Twitter

BRASIL

To Top