Connect with us

Noticia Brasil Online

Sócio do escritório Responsável pela auditoria que prometia abrir a caixa-preta do BNDES foi testemunha de Lula na Lava Jato

BRASIL

Sócio do escritório Responsável pela auditoria que prometia abrir a caixa-preta do BNDES foi testemunha de Lula na Lava Jato

Responsável pela auditoria que prometia abrir a caixa-preta do BNDES, o escritório Cleary Gottlieb Steen & Hamilton LLP teve um de seus sócios como testemunha do ex-presidente Lula na Lava Jato.

Juan Giraldez foi ouvido pelo então juiz Sergio Moro na ação penal sobre suposto recebimento de propina da Odebrecht.

Em 2017, Moro chegou a determinar que a defesa de Lula teria que custear tradução de Giraldez.

Em 2010, o escritório foi contratado para dar consultoria à gestão de Luciano Coutinho no BNDES.

LEIA MAIS:

Lula diz que Lava Jato causou prejuízo de U$ 142 bilhões ao Brasil

Comentários

Pai, casado, católico, editor de notícias e Brasileiro com muito orgulho. Um cidadão em pleno gozo de seus direitos constitucionais e de opiniões pessoais.

Click to comment

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Mais em BRASIL

Em Alta

Estamos no Twitter

BRASIL

To Top