São Paulo é o Estado menos transparente no ranking de compras sem licitação por conta do vírus chinês

Os estados de São Paulo e Roraima são as unidades federativas do Brasil menos transparentes em relação a informações sobre contratações emergenciais feitas em resposta à pandemia do vírus chinês, aponta ranking da Transparência Internacional divulgado nesta quinta-feira.Espírito Santo, Paraná e Goiás, por outro lado, foram os três únicos estados cujo nível de transparência sobre as contratações emergenciais foi considerado ótimo.

A transparência das capitais também foi avaliada: 10 das 26 cidades analisadas tiveram sua transparência considerada ruim ou péssima. Outras 11 foram consideradas regulares.

O ideia do ranking é identificar e promover as melhores práticas de transparência.

leia mais:

Banco Central contraria Covas e Doria e anuncia que que feriado de Corpus Christi continua em 11 de junho

Leave a Comment
Recent Posts

Este site utiliza cookies para melhorar a experiencia dos usuários, você aceita?