Connect with us

Noticia Brasil Online

Projeto de lei não pretende “legalizar incesto”

BRASIL

Projeto de lei não pretende “legalizar incesto”

 

Segundo verificou o site estadão verifica o site NBO corrigiu a matéria anterior afirmando que o O PL 3.369/2015, trata de união entre pais e filhos.

Segue abaixo a correção:

Apresentado pelo deputado Orlando Silva (PCdoB-SP), o texto estabelece princípios para atuação do poder público em assuntos ligados às relações familiares e visa ampliar o reconhecimento de uniões de casais homo ou poliafetivos, assim como membros da mesma família pessoas que não possuem laços sanguíneos, como enteados, por exemplo.

“São reconhecidas como famílias todas as formas de união entre duas ou mais pessoas que para este fim se constituam e que se baseiem no amor, na socioafetividade, independentemente de consanguinidade, gênero, orientação sexual, nacionalidade, credo ou raça, incluindo seus filhos ou pessoas que assim sejam consideradas”, diz texto da proposta.

Porém, o ponto que se refere a “consanguinidade” foi criticado por parlamentares. Nas redes sociais e no plenário da Câmara, foi disseminada a ideia de que o projeto de lei seria uma forma de “legalizar o incesto”.

https://www.camara.leg.br/proposicoesWeb/prop_mostrarintegra?codteor=1402854&filename=PL+3369/2015

Comentários
Click to comment

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Mais em BRASIL

Em Alta

Estamos no Twitter

BRASIL

To Top