Connect with us

Noticia Brasil Online

Governo do PT da Bahia é suspeito de executar capitão envolvido no caso Marielle

POLITICA

Governo do PT da Bahia é suspeito de executar capitão envolvido no caso Marielle

O poste do ex-presidiário Lula da Silva, Fernando Haddad, usou o Twitter, hoje, para caluniar a família Bolsonaro, acusando-a de festejar a morte do ex-capitão.

A PM do governo petista da Bahia disse que o arsenal ao lado foi apanhado com o capitão.

Existe suspeita forte de que o ex-capitão do Bope e chefe de uma milícia do Rio, Adriano Magalhães da Nóbrega, tenha sido assassinado numa emboscada armada por PMs da cidade baiana de Esplanada, tudo numa maquinação do governo do PT, cuja secretaria da Segurança é comandada por Maurício Teles Barbosa, que há duas semanas participou de articulações para fatiar o ministério de Moro.

O capitão é apontado como suspeito no caso da ex-vereadora Marielle, assinada em 2018. Ele fugiu da PM do Rio no dia 31 de janeiro.

Afamília de Adriano Magalhães quer uma investigação independente sobre a execução e diz que o capitão era inocente. O advogado Paulo Catta Prea disse ao jornal Extra que seu cliente tinha medo de morrer.

CLIQUE AQUI para saber mais.

LEIA MAIS:

Pesquisadores da Universidade Federal da Bahia descobrem teste que detecta coronavírus em 3 horas

Comentários
Click to comment

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Mais em POLITICA

Em Alta

Estamos no Twitter

BRASIL

To Top