General Mourão rebate ataques contra Bolsonaro: “Deixa o cara governar!”

O vice Presidente, general Hamilton Mourão, participa da cerimônia de assinatura, da medida provisória que estabelece medidas para combater fraudes em benefícios pagos pela Previdência Social

O vice-presidente da República, General Hamilton Mourão, em entrevista ao Valor Econômico, nesta segunda-feira (1), falou sobre as inúmeras tentativas da esquerda e de parte da mídia, em tentar derrubar o governo, provocando o afastamento do presidente Jair Bolsonaro.

“Deixa o cara governar! Deixa o cara governar! Se ele cometer erros, dentro do limite da responsabilidade dele, como ‘n’ governantes já cometeram, vai chegar em 2022 e ele será julgado pelo eleitorado. É assim que se processa no sistema democrático” disse Mourão ao Valor.

E seguiu:

“Fomos governados pela esquerda e pelo centro esquerda e agora é a centro direita e alguns da direita mais extremada. Isso é a alternância democrática. Deixa esse pacote passar. Se provar que funciona, ele será eleito em 2022 e, se não funcionar, ele irá para o lixo da história. Deixa a turma cumprir sua tarefa. Se tem algo com o qual não se concorda, então entra com uma ação ou o Congresso bloqueia. Vamos baixar as tensões” disse Hamilton Mourão.

Além disso, o vice-presidente comparou a briga política com a briga de torcidas organizadas.

“Acho que muita coisa é só retórica inflamada. Acho não, é retórica inflamada de ambos os lados. Existe um clima de torcida organizada para tudo. Desde o remédio [A cloroquina] até a decisão” afirmou Mourão.

LEIA MAIS:

Gilmar Mendes: Quase 60 milhões de votos não autorizam Bolsonaro a descumprir Constituição

Redação: O site NBO é um veículo comunicação independente com notícias do Brasil e do Mundo. Nossa missão é levar ao público a verdade dos fatos, sempre com informações de fontes seguras e confiáveis para você formar sua própria opinião.

This website uses cookies.