Connect with us

Noticia Brasil Online

Comissão de Direitos Humanos da câmara quer visitar Lula na PF para verificar condições da prisão

Lava Jato

Comissão de Direitos Humanos da câmara quer visitar Lula na PF para verificar condições da prisão

O presidente da Comissão de Direitos Humanos da Câmara, Helder Salomão (PT-ES), não se emenda. Agora, faz galhofa. Ele acaba de apresentar um requerimento para que os integrantes da comissão visitem o ex-presidente Lula na cadeia da Superintendência da Polícia Federal em Curitiba, para checarem as condições do “cárcere” em que vive, considerando-o como “preso político”. Duas asneiras inomináveis. Primeiro, Lula não está em nenhum cárcere, mas numa sala com todos o privilégios inimagináveis a qualquer outro dos 720 presidiários brasileiros. A sua “cela” tem 15 metros quadrados e um banheiro privado, o que, na prática, é uma boa suite.

Antes de Lula, a sala ficava disponível como dormitório para delegados da PF quando iam a Curitiba participar de operações especiais e era preferível que ficassem hospedados na superintendência e não num hotel qualquer. A sala não tem chave na porta e Lula pode receber visitar quando bem entender.

Pode receber frutas e chocolates de parentes e recebe quatro boas refeições diárias (café da manhã, almoço às 11h, café da tarde e jantar às 18h). A comida é a mesma que os policiais federais recebem em quentinhas. Sempre tem arroz, feijão, carne, salada e até sobremesa. Às vezes macarrão no lugar do arroz. Ótima comida. Além disso, a sala de Lula tem até esteira para ginástica, aparelho de TV e até frigobar, com água geladinha. Isso o PT chama de cárcere? Outra aberração que o PT comete é dizer que Lula é preso político.

Ora, Lula foi condenado por um juiz de primeira instância, que teve a sentença referendada por três desembargadores de segunda instância e a pena foi confirmada pelo STJ, em terceira instância. Isso, sem considerar que o STF, a quarta instância, já negou habeas corpus a ele por inúmeras oportunidades. Portanto, a comissão de direitos humanos da Câmara deveria deixar de perder tempo indo a Curitiba e aproveitando as passagens para visitar a Penitenciária de Araucária, também em Curitiba, que vive superlotada e abrigando presos em condições desumanas.

LEIA MAIS:

Lula diz que fica preso até provar que Moro e Deltan Dallagnol “são bandidos”

Comentários
Click to comment

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Mais em Lava Jato

Em Alta

Estamos no Twitter

BRASIL

To Top