Connect with us

Noticia Brasil Online

Após governadora recusar programa , Prefeitos se mobilizam para solicitarem escolas cívico-militares

BRASIL

Após governadora recusar programa , Prefeitos se mobilizam para solicitarem escolas cívico-militares

Após a burrice da governadora do estado, Fátima Bezerra (PT), que recusou R$ 2 milhões para inserir o estado no Programa Nacional para as Escolas Cívico-Militar, do Ministério da Educação, prefeitos se mobilizam para colocar seus municípios no programa.

O primeiro município que despertou interesse no programa foi Parnamirim. Outro que também se disponibilizou a aderir ao programa foi o prefeito de Pau dos Ferros.

A prefeita de Mossoró, após pedido da população nas redes sociais, manifestou interesse. Rosalba usou as redes sociais para anunciar que fará o pedido de adesão ao programa nacional com as Escolas Celina Guimarães; Raimunda Nogueira do Couto, no bairro Santo Antônio e Heloisa Leão, no Bom Jesus.

Em breve outros municípios farão o mesmo. A adesão ao programa poderá ser feito a partir desta sexta-feira (4) e até o dia 11 de outubro, conforme anúncio do Ministério da Educação.

O Ministério da Defesa utilizará militares da reserva das Forças Armadas para trabalhar nas escolas que aderirem ao novo programa. Os militares deverão ser contratados por meio de processo seletivo, com tempo mínimo de serviço de dois anos, prorrogável por até 10 anos.

Comentários
Click to comment

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Mais em BRASIL

Em Alta

Estamos no Twitter

BRASIL

To Top